ANALISANDO O RANKING
DAS MARCAS MAIS VALIOSAS

VALOR TOTAL DO PORTFÓLIO DAS MARCAS

Apesar de ano difícil para economia brasileira, o valor total do portfólio com as 25 marcas mais valiosas do país manteve a tendência de crescimento, com 2,75% de valorização em relação a 2014. Os resultados positivos foram reflexo direto da habilidade de certas marcas de manter a relevância e se destacar em um cenário de desaceleração do consumo.

Mais uma vez, os territórios bem definidos das cervejas da Ambev e o esforço contínuo na construção de laços mais fortes e duradouros com o consumidor das gigantes Porto Seguro, Ipiranga, Renner e Cielo, mostraram que marcas que acreditam no seu posicionamento são capazes de gerar mais valor.

Este ano, duas novas integrantes passam a compor a tabela das marcas mais valiosas do Brasil. Localiza e Bohemia ingressam na vigésima quarta e vigésima quinta posição e reforçam o poder das cervejas e dos serviços focados no consumidor de se destacar da concorrência e construir marcas fortes.

Valor Total

TOP 5

Sozinhas, as cinco primeiras marcas do ranking representam 71,5% do valor total do portfólio, contra apenas 67% em 2014. O setor financeiro e as cervejas são os grandes representantes do Top 5, com destaque para a Brahma, que passa o Banco do Brasil e ocupa pela primeira vez a quarta posição.

A inversão na tendência de redução que observávamos nos anos anteriores mostra o impacto da crise econômica em algumas marcas e como outras estão se beneficiando para se destacar ainda mais.

Valor em porcentagem

PARTICIPAÇÃO POR SETOR

Os setores financeiro e de bebidas continuam concentrando a maior fatia do valor de marca total da tabela. Juntos, os dois segmentos representam 77,95% do ranking, com oito marcas representadas.

A valorização dos bancos Itaú e Bradesco compensou a queda da Caixa, Banco do Brasil e BTG Pactual e levaram a um aumento de 6,06% no valor total do segmento financeiro.

Já as cervejas, não só tiveram crescimento no valor de todas as marcas como também foram positivamente impactadas pela estreia da Bohemia.

Clique no setor para visualizar as marcas

  • 51%SERVIÇOS FINANCEIROS
  • 27%BEBIDAS
  • 7%COSMÉTICOS
  • 5%PETRÓLEO E GÁS
  • 3%TELECOMUNICAÇÕES
  • 2%VAREJO
  • 2%VESTUÁRIO
  • 2%MEIOS DE PAGAMENTO
  • 1%SEGUROS
  • 1%TECNOLOGIA
  • 1%ALUGUEL DE CARROS
Graphic
Matriz

NOVIDADES DO RANKING

BohemiaLocaliza

MAIORES CRESCIMENTOS

Porto SeguroIpiranga

RennerAmericanas